• Fox IoT

Review do Nissan Leaf

Atualizado: Jan 20

Esta semana tivemos a oportunidade de dar uma volta de carro elétrico. E vamos falar o que achamos de diferente, vem com a gente!


O carro trata-se do novo Nissan Leaf, adquirido pela UFSM em parceria com o P&D COPEL-DIS 002. O veículo será utilizada para o desenvolvimento de novas tecnologias que cercam a mobilidade elétrica.



O Nissan Leaf é o carro elétrico mais vendido no mundo atualmente, somando mais de 500 mil unidades emplacadas. O modelo foi lançado em 2010 como o primeiro carro elétrico produzido em larga escala. Com autonomia próxima de 300 km na cidade o Leaf torna-se uma boa opção para deslocamentos urbanos. Na Tabela abaixo encontra-se as informações do veículo.


Ficha Técnica


Mas e agora como é andar num carro elétrico? A primeira coisa que percebe ao ligar o carro é que é muito silencioso, sendo difícil de perceber se o carro já está ligado. A não emissão de ruídos é uma característica dos motores elétricos, o Leaf também é bastante confortável e espaçoso. Mas o que realmente surpreende é a força na aceleração do Leaf, com o motor entregando o torque instantâneo é perceptível a cabeça grudando no assento.

O seu interior não difere muito dos carros convencionais com exceção da marcha do carro semelhante a um "joysticket".


A estabilidade em curvas é excelente, uma das coisas que justifica isto é seus 1582 kg. Como as baterias ficam logo abaixo do assoalho o centro de gravidade do carro fica próximo ao chão dificultando saídas de roda quando faz curvas mais acentuadas.


Fonte: Nissan Leaf/ Divulgação


E como funciona o carregamento? Aqui encontramos outra vantagem dos veículos elétricos, a economia na recarga. Veículos elétricos tendem a ser 5x mais baratos para "abastecer" em relação aos carros a combustão, onde uma carga completa no Leaf custa em média R$ 36,00 e com uma carga é possível ter uma autonomia superior a 300 km na cidade.


Já em relação ao tempo de carregamento depende da potência do carregador. Neste aspectos temos 3 tipos diferentes de carregador, o carregador lento é quando conectado na tomada de casa, para utilizar a tomada residencial é preciso o adaptador para o carregamento. Com esta modalidade de carregamento pode levar até 20h para carregar completamente a bateria do Leaf.

O outro modelo de carregadores são chamados de WallBox, eles podem ser instalados em estacionamentos, farmácias e até mesmo em casa. Além de seu carregamento ser mais rápido que as tomadas convencionais, o WallBox possui diversas vantagens no que diz respeito a personalização de carga. Os modelos mais atuais conseguem limitar, escolher horários de carregamento, desligar remotamente entre outras funcionalidades. Na UFSM está instalado para carregar o Nissan Leaf o WallBox modelo JuiceBox da Enel. Este modelo é de 7 kWh conseguindo dar uma carga total no veículo em 8h.


O último modelo de carregador é o carregador rápido, ele tem as funcionalidades semelhantes do WallBox. Entretanto sua velocidade de carregamento é muito superior, a UFSM irá adquirir o modelo de carregador rápido da ABB. Ele possui carregamento de 50 kWh conseguindo dar uma carga de 80% no Leaf em menos de 40 minutos.




Sem dúvida vale a experiência de andar de carro elétrico, mesmo para aqueles que já são acostumados a carros automáticos vão sentir a diferença, principalmente nas aceleradas que o motor elétrico proporciona.

O conceito de desenvolvimento sustentável incentivou o retorno dos veículos elétricos ao cenário automotivo mundial, mas para que se torne possível o aumento da frota dos veículos elétricos, se faz necessário o desenvolvimento do suporte para esta tecnologia. Aqui no Blog já comentamos sobre os desafios e o que está sendo feito para criar o alicerce para esta tecnologia neste post.

O Nissan Leaf chegou no Brasil em 2017, como um novo meio de deslocamento sustentável e tecnologia inovadora. Seu valor atual parte de R$ 209.000,00 com 8 anos de garantia para a bateria. Seu valor de mercado ainda é alto, mas assim como todas as novas tecnologias que chegaram por aqui, a tendência para os próximos anos é baratear seu valor final.

O texto de hoje foi um review rápido do Nissan Leaf, agradecemos a COPEL-DIS e a UFSM por possibilitarem esta experiência e nos vemos na próxima.


Publicado por: Henrique Martins

32 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo